16 de novembro de 2012

Eterna amizade.




Sabe, eu me lembro de você sempre, constantemente... Posso dizer que passamos uma vida toda uma do lado da outra, sinto muito a falta daquela amizade que tínhamos aquela de contar os problemas, todas as alegrias e coisas bobas, era tudo tão bom!
Se existem pessoas que posso dizer que me conhecem bem, acredite você é uma delas. Éramos tão meninas, tão crianças e de repente crescemos, cada uma seguiu o seu caminho. Fico feliz ao saber que você está bem que você está feliz, por mais longe e distante que eu esteja eu estarei sempre torcendo por você.
Lembro-me de cada coisa da gente que é melhor nem começar a contar, mas só pra relembrar tudo envolvia “estudos, brincadeiras, zueiras e paixonites”. Não tenho sido uma boa amiga ou se quer uma amiga, mas eu sei que você sabe que eu sempre tive esse meu jeito estranho e mais na minha.
Qualquer coisinha você pode contar comigo, vou ser sempre a Thicinha de sempre... A intenção não é escrever isso e depois desaparecer, mas é te lembrar que eu nunca sai do teu lado. 

                      Sinta-se abraçada (=

Um comentário:

Carlos Rímolo disse...

Minha querida amiga Thiciane !!!

Passando por aqui para deixar meu carinho e,
Desejar-lhe um maravilhoso Natal e, um belíssimo
Ano Novo.
Que os seus caminhos sejam sempre iluminados,
Com muita paz, poesia, felicidades e amor em seu
Coração e, agradecer-lhe o seu carinho para comigo
E meus trabalhos neste ano que está passando!!!!!!!!
Beijos de luz !!!

POETA CIGANO – 23/12/2012

http://carlosrimolo.blogspot.com

Macaé – Rio de Janeiro – Brasil.